sexta-feira, 31 de maio de 2013

Medalhões de Pescada com Molho de Iogurte e Mel

Quem me acompanha já deve ter percebido que adoro pesquisar e ver receitas dos blogs vizinhos e quando posso reproduzo a receita, pois qual era o objectivo de ver e comentar outros blogs?? Vai dai vim esta receita no Blog da Sandra - Doçuras & Especiarias, hoje não deixo nenhuma curiosidade, pois é Sexta feira querem melhor curiosidade que esta para hoje :)  A receita original está aqui: 



Ingredientes:

4 Medalhões de Pescada                  
8 Camarões (não pôs)                         
1 molho brócolos
2 Cenouras                                          
1 Iogurte natural                 
1 c. (sopa) de mel
Salsa/coentros picados                  
1 dl. Azeite                          
3 dentes de alho esmagados
Sal, pimenta e sumo de limão q.b.

Preparação:

Comece por temperar os medalhões de pescada, com o sal, a pimenta e o sumo de limão. Unte uma travessa de ir ao forno com o azeite, deite os dentes de alho de alho esmagados, disponha os medalhões e os camarões (coloque um pouco de sal nos camarões) e leve a assar nos 190º C, durante 20 minutos ou até que o peixe fique bem assado.

Numa panela com água a ferver com um pouco de sal, coza as cenouras durante 7/8 minutos, de seguida junte os brócolos e deixe cozer mais 5 minutos.

Entretanto, faça o molho de iogurte. Numa tigela coloque o iogurte natural, junte a colher de sopa de mel, tempere com um pouco de sal e adicione a salsa picada, misture bem.

Por último retire o peixe do forno, sirva com os legumes cozidos, regado com o molho de iogurte!

quinta-feira, 30 de maio de 2013

Bolachas de Canela

Quem me acompanha sabe que entrei no mundo das bolachas :) e eu que adoro bolachas, por isso adquiri um dispara bolachas, que por sinal já o destrui e não, não foi com estas há-de aparecer aqui outras bolachinhas eu depois digo :) 

Agora vamos á uma curiosidade que por acaso eu já me tinha perguntado e fui a procura do motivo e encontrei, já pensaram porque raio o pão ao ar fica mais duro e as bolachas ficam mais moles? Assim aqui vai :)

A bolacha amolece porque absorve humidade do ar. Já o pão sofre o efeito contrário: quanto mais tempo fora do saco, mais endurece por perder água. Parece simples, certo? Mas a resposta não acaba aqui. Ambos possuem nos seus ingredientes um polímero chamado amido. É basicamente por causa dele que acontecem todas estas mudanças.

Durante o processo de fabricação da bolacha, o amido passa por uma transição vítrea, um efeito térmico usado para obter um produto mais maleável sem mudar sua estrutura. Quando a tiramos do pacote, a bolacha entra em contato com um ambiente mais húmido  Então, as regiões cristalinas do amido rompem se e deixam a água entrar.É por isso que a bolacha fica mole.
.
O pão, quando assado, torna se numa pasta elástica. Nessa fase, o amido é aquecido a 600°C e tem a textura de uma gelatina. Conforme o tempo passa e a temperatura diminui, as cadeias de amido interagem com mais força entre si, obrigando a água a sair. A sinérise, como é chamada, acontece quando o amido volta ao seu estado natural, provocando um ressecamento do pão.

No caso do pão, há mais de 150 anos pesquisadores estudam o fenómeno para tentar reverter o processo de retrogradação do amido. O tipo de pão mais atingido pela "secura" é o francês.


Quanto à bolacha, se armazenada num pote de vidro, manterá se crocante durante muito mais tempo.

Fonte :socuriosidades.blogspot

E agora aqui vai a receita e fotos:



Ingredientes:

150 gr de Açúcar                                              
350 gr de farinha                               
1 C. (chá) de fermento
125 gr de margarina                         
1 ovo                                    
1 C. (chá) de Canela

Preparação:

Derrete se a manteiga, mistura se com o açúcar e o ovo, junta se os restantes ingredientes e pronto, massa para o dispára- biscoitos. Boa sorte

quarta-feira, 29 de maio de 2013

Jardineira de Pescada

E quando chegamos a meia de semana, nada como uma refeição diferente mas muito saborosa, já fiz esta receita há algum tempo, 

Já agora sabiam que o nome cientifico da Pescada é Cynoscion spp  e a melhor forma para se pescar Pescadas é utilizando-se equipamento de ação média a média/pesada, composto de uma vara para linhas de 10 a 20Lbs . A carretilha ou o molinete deve comportar 100m de linha de 0,35mm de diâmetro. Pode-se utilizar um, dois ou três anzóis do tipo suzuki número 16 ou 18. Deve-se, ainda, utilizar um chumbo fixo, de modo que fique abaixo do anzol. Ok para mim pouco interesse tem como é pescado ou que equipamento é para ser utilizado, pois eu quando vou à pesca ao supermercado não preciso de nada de especial a não ser um carrinho ou um cesto para levar o que compro até à caixa :)

Agora a receita e fotos:



Ingredientes: 

4 Postas de pescada                           
2 Cenouras                                           
2 Batatas grandes
1 Curgete                                            
100g de Ervilhas                                  
2 Cebolas Médias
4 c. (sopa) de Azeite                         
0.5l de Caldo de Peixe                       
Sumo de 1 Limão                               
1 c. (chá) de Açafrão em pó             
1 Raminho Coentros Picados           
Sal e Pimenta Qb

Preparação:         

Deixe descongelar a pescada, lave-a, seque-a e tempera-a com um pouco de sal, pimenta e o sumo de limão.

Descasque as cebolas, as batatas e as cenouras. Pique as cebolas, deite para um tacho, junte o azeite, leve ao lume e deixe cozinhar até a cebola ficar macia.

Corte as batatas, as cenouras e a courgette em cubinhos, lave-os, deixe-os escorrer, junte ao tacho, adicione também as ervilhas, a salsa ou coentros picados, o açafrão e o caldo de peixe, mexa, tape e deixe cozinhar, me lume brando, durante 15m.


Junte então as postas de pescada escorrida, tape e deixe cozinhar mais 10 minutos. Retire e sirva decorado a gosto.

Retirada numa revista da Teleculinária



terça-feira, 28 de maio de 2013

Perna de Fango Au Gratin

Para hoje uma receitinha de pernas de frango, que fica muito saborosa :) 

E hoje vou deixar mais uma curiosidade :) - Mike é um frango que ficou famoso justamente por ter vivido um ano e meio depois de lhe cortarem a cabeça. O fato aconteceu em setembro de 1945, na cidade de Fruita, no Colorado (Estados Unidos). O fazendeiro Lloyd Olsen cortou o pescoço da ave a pedido da mulher, que queria prepará-la para o jantar. Mas o frango continuou vivo. Olsen o alimentava com um conta-gotas, dando-lhe milho e água diretamente na abertura do pescoço.   



Ingredientes:

4 Pernas de Frango                           
1 c. (café) de Sal                                
2 dentes de Alho                
1 pitada de Pimentão Doce
2 dl de Vinho Branco                         
2 C. (sopa) de Azeite                         
80g de Queijo Ralado

Preparação:

Arranje as pernas de frango, retire-lhes a pele, tempere sal, os dentes de alho picados, o pimentão-doce e o vinho branco e deixe marinar durante 20 minutos.

Decorrido o tempo indicado, regue as pernas de frango com o azeite e leve ao forno pré-aquecido a 180ºC, durante 45 minutos, regando de vez em quando com o próprio molho.

Na hora de servir, polvilhe a carne com o queijo e leve novamente ao forno até ficar gratinado. Retire do forno e sirva com grelos salteados e outro acompanhamento a gosto.


Retirada da Revista Saúde à Mesa n.º 79


segunda-feira, 27 de maio de 2013

Molotov de Creme de Ovos ou Caramelo

Cá estamos nós segunda feira, não, não vou voltar a falar dela quando não gostamos de algo o melhor é ignorar, por isso era o que devia ter feito, mas não fiz, xiçaaa e ninguém me avisou que não tinha ignorado a segunda feira??  

Mas enfim faz hoje 3 meses que criei este blog tem sido enriquecedora esta experiência  conheci gente nova, gente fantástica, gente esta que ao ler isto vai conseguir identificar-se :).

O blog cresceu muito mais que alguma vez imaginava, mas este mês estagnou, caso para perguntar porque será? O que faltou durante este mês? hummmm vou refletir sobre o assunto...

Sabiam que as fatias de Tomar são precisas 24 gemas de ovo para serem confeccionadas? Se por acaso quiserem fazer esta doce tipico de Tomar, sobram 24 claras e assim podem fazer vários molotov :) Vamos a eles...

Para festejar hoje temos a receita e fotos de uma maravilhoso Molotov :)




Para o molotov

8 Claras                                 

8 c. (sopa) de açúcar                          

Caramelo líquido (+ ou - 3 colheres de sopa)

Para o creme de gemas

8 Gemas                                              

5 c. (sopa) de açúcar                         

8 c. (sopa) de leite

Preparação:

Primeiro, liga -se o forno a aquecer  (180º) . Depois, batem-se as claras em castelo bem firme numa taça grande de plástico  colocando-se sem deixar de bater , As colheres de sopa de açúcar (uma a uma). Finalmente e ainda sempre a bater com a máquina, coloca-se o caramelo líquido, Que se tem de ter o cuidado de incorporar bem para fique todo o creme com uma cor acastanhada por igual. Põe-se este creme de claras numa forma de buraco alta já bem untada de manteiga.

Vai a cozer exactamente 8 minutos, desligando-se o forno, abrindo a Porta do forno e deixando repousar um pouco o Molotov. Passados uns 10 minutos, retira-se do forno.


Faz-se o creme: num tachinho tem-se as gemas, o açúcar e as colheres de leite. Mistura-se bem e vai ao lume a engrossar (não demasiado!). Desenforma-se o Molotov num prato de vidro com cuidado, deixa-se arrefecer e quando o creme de gemas também estiver frio, Cobre-se o Molotov. Leve ao frigorífico para ficar bem fresco.

Caso queiram aproveitar claras, em vez de fazerem com creme de ovos façam com caramelo, em vez de untar a forma com manteiga untem com caramelo, também fica muito bom. No caso das fotos tenho com creme de ovos e só com caramelo quando aproveito claras :) 



domingo, 26 de maio de 2013

Arroz de Lulas à Wild

Depois de uma semana, vamos dizer esquisita :) vamos lá arrancar para uma semana melhor, embora as noticias é que vem ai chuva e frio. mas não chega??? O verão vem só para Novembro???? Ai ai ai

A receita que hoje trago é um Arroz de Lulas à minha maneira dai o nome :) hehehe com este arrozinho vou participar no desafio do Blog Receitas de Sedução que em parceria com a Orivárzea, como por norma já uso o Arroz Bom Sucesso era só arranjar alguma receitinha para participar ainda bem que o desafio foi prolongado :) 

Assim aqui fica a receita e as fotos:




Ingredientes:

300g de Arroz Agulha Bom Sucesso
1 Kg de Lulas
1 Cebola
2 dentes de Alho
1 Cenoura Grande
4 c. de (sopa) de Polpa de Tomate
2 Tomates
200 ml de Vinho branco
1 c. de (chá) de Pimentão doce
Água qb
Manjericão qb
Azeite qb
Salsa qb
Sal qb
Ketchup qb
1 Folha de Louro

Preparação:

Limpa-se e arranja-se as lulas, cortam-se às rodelas e reservam-se. Picamos a cebola e o alho, cortamos a cenoura e o tomate em cubos pequenos. Colocamos um tacho com um fio de azeite deixamos aquecer e juntamos a cebola e o alho, deixamos alourar, colocamos o pimentão doce, a folha de louro. Quando a cebola e o alho estiverem alourados juntamos a polpa de tomate, o tomate cortado aos cubos, a cenoura também ela cortada aos cubos, o ketchup (este é somente para cortar a acidez do tomate) e por fim o manjericão e deixamos refogar.

Quando estiver refogado, junta-se as lulas e deixamos apanhar todo o sabor do refogado, juntamos o vinho branco e deixamos cozinhar em lume brando cerca de 15 a 20 minutos.

Após este tempo juntamos o arroz agulha Bom Sucesso, juntamos água já quente, aos poucos, por norma vou pondo a olho. Deixamos cozer cerca de 12 minutos, no fim deste tempo juntamos a salsa picada e servimos de imediato.


sexta-feira, 24 de maio de 2013

Massa Tricolor com Frango e Nozes

Uiiii fim de semanaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa com sol ao que parece, como com o solinho e calor procuramos algo rápido para comer, deixo aqui hoje um pratinho muito bom de massa :)  a fotografia não é das melhores, pois foi tirada à pressa a fome apertava :)  

Hoje sem demoras vamos à receita e foto:



Ingredientes:

200g de Ervilhas Congeladas                            
200g de Cogumelos Frescos                            
2 Peitos de Frango
2 Dentes de Alho                                                              
2 Cenouras                                                         
200g Massa Tricolor
0.5 dl de Azeite                                                 
Manjericão qb                                                    
50g de Miolo de Noz

Preparação:

Demolhe as ervilhas e os cogumelos de um dia para o outro e depois elimine a água.  No dia seguinte, coza os peitos de frango em água, escorra-os, deixe amornar e desfie.

Descasque os dentes de alho e pique-os finamente. Corte a cenoura em cubos pequenos. Coza as ervilhas, a massa e a cenoura, escorra e reserve
.
Lave os cogumelos, seque-os bem e corte-os em quartos. Leve um tacho ao lume com azeite, deixe aquecer, junte os dentes de alho, e os cogumelos e deixe saltear, mexendo sempre até ficarem macios sem líquido.

Adicione o frango, as ervilhas, a massa, manjericão picado  e envolva tudo e deixe aquecer. Na hora de servir, junte as nozes grosseiramente picadas, envolva e sirva.

Retirada da Revista Saúde à Mesa n.º 79

quinta-feira, 23 de maio de 2013

Línguas de Gato

Antes demais, informo que não esteve nenhum gato envolvido nesta receita :) a não ser o cozinheiro :)

Desde já obrigado, e posso dizer que o piolhito está melhor e eu também, mas ainda não a 100% ontem não consegui vir aqui, mas hoje trago vos uma guloseima para comer por exemplo enquanto se vê um filme :) bem é melhor uma serie, mas aquelas de 20 minutos pois estas línguas de gato desaparecem num instante :) 

Vamos a elas, só tenho uma foto pois... 




INGREDIENTES:

Manteiga: 70 g
Açúcar: 70 g
Farinha: 70 g
Ovos (clara): 2
Essência de baunilha: q.b.

PREPARAÇÃO:

Deve bater-se muito bem a manteiga até esta apresentar uma consistência cremosa. Junta-se, então, o açúcar a essência de baunilha (duas ou três gotas), a farinha. Mistura-se bem os ingredientes.
Junta-se, nesta altura, as claras. Unta-se um tabuleiro largo de ir ao forno e, utilizando um saco de pasteleiro com a massa anterior, faz-se pequenas línguas com cerca de 4 cm de comprimento. No forno pré-aquecido a 200 ºC introduz-se o preparo anterior por 10 minutos. Quando dourarem retira-se do forno.

http://sabores.sapo.pt/receita/linguas-de-gato

terça-feira, 21 de maio de 2013

Lasanha de Bacalhau com Legumes à Wild

Esta semana não tem estado fácil, andar por aqui, com o piolhito adoentado o tempo ainda é menos que o normal, para compensar eu também ando com a "doença" (sinusite) da primavera, que por sinal ainda não me tinha chateado :) mas enfim. No meio disto quero pedir desculpa a quem me visita e comenta por não estar a visitar as vossas cozinhas com a frequência desejada, mas assim que isto se recompor vou lá visitar.

Este fim de semana foi alargado para mim, 4 dias para fugir à rotina, quando cheguei a casa da tia ela disse que tinha massa de lasanha a acabar a validade e uns brócolos também a preciso serem gastos, assim surge esta lasanha :) Eu fiz o bechamel com a água do bacalhau, mas achei que ficou com um sabor muito forte a bacalhau, vai dai na receita abaixo ponho leite :) mas se gostarem muito de bacalhau podem sempre fazer com a água do bacalhau.





Ingredientes:

2 Postas e meia de bacalhau                           
Meia couve-flor                  
1 ramo de brócolos            
2 Cenouras          
1 pacote de lasanha de 500gr                         
1 L de leite                           
70gr de margarina              
160gr de farinha
Queijo ralado q.b.

Preparação:

Coze-se o bacalhau em água e sal. Depois de cozido, retire as espinhas e a pele e reserve numa taça.

Coze-se os brócolos, as cenouras e a couve-flor com sal. Depois de cozido corta-se em pedacinhos e misturam-se com o bacalhau.

Num tacho, coloca-se a margarina e deixa-se derreter, misturando-se em seguida a farinha. Quando estiver tudo misturado, junta-se o leite deixando engrossar de seguida passa-se com a varinha magica, para retirar os grumos, tempera-se com sal a gosto.

Depois de feito o bechamel, coloca-se 6 colheres de sopa na mistura do bacalhau para envolver tudo.

Num pirex, coloca-se no fundo um pouco do bechamel e de seguida dispõem-se as folhas de lasanha por cima, colocando também um pouco de bechamel por cima das folhas, de seguida coloca-se a mistura do bacalhau e de novo as folhas de lasanha, repetindo-se o processo ate a ultima camada ser de folhas de lasanha. Cobre-se as folhas com o bechamel, e coloca-se queijo ralado indo ao forno a 200º durante 35 m




domingo, 19 de maio de 2013

Bolachas de Clara com Coco


Comecei a dar nas bolachas e agora não quero mais nada, tenho guardadas uma série de receitas de bolachas para experimentar :) estas vem uma vez mais do Blog da AnaRita Bem Bons que como tinha dito anteriormente tem receitas fantásticas, visitem que não se vão arrepender :)

Agora vamos à receita, para verem a original cliquem aqui:



Ingredientes:

350 gr de farinha                                              
200 gr de açúcar                               
150 gr de manteiga           
1 c.( chá) de fermento em pó
4 claras                                                
100 gr de coco ralado

Preparação:

Pré aquecer o forno a 200ºc e forrar a papel vegetal 2 tabuleiros.
Bater a manteiga com o açúcar e acrescentar depois as claras.
Amassar bem.
Deitar a farinha com o fermento e amassar.
Fazer bolas de massa do tamanho de nozes grandes e com um garfo espalma-las.
Levar ao forno por 25 minutos até dourarem levemente.
Deixar esfriar no tabuleiro  e depois passa-los para uma rede.



sábado, 18 de maio de 2013

Molotov de Canela


Bem parece que continuo com receitas light :) agora com o molotov diferente, bem vou ser sincero continuo a preferir o tradicional com caramelo, mas este para fugir a rotina também é bom.

O nome original deste doce é «pudim Malakof» e está relacionado com a guerra da Crimeia que decorreu em 1854 e 1855.
Malakof é o nome de uma fortaleza que protegia a cidade de Sebastopol. O general francês Pélissier tomou esta fortaleza e recebeu o título de duque de Malakof. É uma sobremesa de tempos de guerra, visto que é feita com claras de ovo. Por exemplo, em Portugal, é frequente fazermos este pudim para aproveitarmos as claras que sobram da receita do pão-de-ló, que usa apenas as gemas dos ovos.

Durante a guerra de 1939-45, notabilizou-se como ministro dos Negócios Estangeiros da URSS Vyacheslav Mikalovich Skriabine, dito Molotov na clandestinidade. Foi com este nome que passou a ser conhecido internacionalmente. Provavelmente por confusão com este nome, o povo português passou a designar também esta sobremesa por «pudim Molotov».

Vamos à receita e fotos que o pobre coitado ficou abatido, mas comeu-se :)



Ingredientes:

Para o doce de ovos:                        

1.5 dl de Água                                                    
8 Gemas                               
60g de Açúcar Light
2 c. (sopa) de Farinha Maisena                       
½ c. (sopa) de Creme Vegetal

Para o Molotoff:                 

80g de Açúcar Light                                          
2 c. (chá) de Canela em Pó
8 Claras                                                               
Avelãs para decorar

Preparação:

Ligue o forno a 180º C. Unte muito bem com creme vegetal um forma de pudim com chaminé. Parta algumas avelãs grosseiramente.

Prepare o doce de ovos: Aqueça a água. Misture as gemas com o açúcar light e a farinha maisena. Quando a água levantar fervura, retire do lume e deite em fio na mistura de gemas, mexendo bem. Leve de novo a lume brando para engrossar, mexendo sempre. Ao fim de cerca de 8 a 10 minutos, retire do lume e junte o creme vegetal. Passe o doce por um passador e reserve.

Ligue o forno a 180º C. Faça o Molotoff: Misture o açúcar light com a canela. Bata as claras durante cerca de 3 minutos, colocando a batedeira elétrica numa velocidade baixa. Aumente depois a velocidade e vá juntando a mistura de açúcar e canela aos poucos, continuando a bater até ficarem firmes.

Verta as claras na forma e leve ao forno durante cerca de 8 minutos. Desligue o forno e , sem abrir a porta, deixe o pudim arrefecer cerca de 30 minutos. Sirva com o doce de ovos e as avelãs picadas.

Calorias por porção – 175 KCal

Retirada da Revista Saúde à Mesa N.º 74 Maio 2012



sexta-feira, 17 de maio de 2013

Peito Frango Marinado com Ervas


E até que enfim Sexta-feiraaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa vamos comemorar mas com comida saudável e para a curiosidade de hoje trago um estudo sobre o sal, como todos nós sabemos e muita vezes ignoramos o sal em excesso faz mal à saúde, vejam esta pesquisa:

Segundo os pesquisadores australianos, 30 minutos é o suficiente para prejudicar o coração quando há muito sal na comida. E sim efeitos atingem até mesmo as pessoas com pressão arterial normal.

Para pesquisa, foram necessários 16 voluntários saudáveis e foi distribuído para 8 deles uma sopa de tomate com pouco sal e os outros oito a mesma refeição com muito sal.

Após a refeição foi aferida a pressão arterial, de todos. Enquanto o medidor desinflava, uma máquina ultrassom foi usada para avaliar o quanto os vasos sanguíneos se dilatavam quando o sangue voltava a circular.

Os que consumiram a sopa com elevado teor de sal dilatou aproximadamente metade do que as artérias daqueles que comeram a versão com baixo volume de sal. A Experiência foi repetida invertendo-se o grupo que recebia a sopa salgada, e o resultado continuou o mesmo.

Segundo o pesquisador responsável pelo estudo, Kacie M. Dickinson, a grande suspeita é de que o sal, assim como a gordura, possa bloquear a liberação de óxido nítrico, quando o coração bombeia sangue pelas artérias.

Para os médicos, o estudo serve como um alerta: excesso de sal faz mal à saúde e, assim como tudo na vida, deve ser consumido com moderação

Fonte: msnbc.com

Uma das alternativas ao sal é utilizar as ervas aromáticas, esta receita é um exemplo disso sempre que confeciono estes peitos de frango utilizo muito pouco sal, pois as ervas dão um sabor fantástico ao frango:



Ingredientes

4 Peitos de frango sem pele            
2 dentes de Alho                               
2 rodelas de Limão
1 c. (sopa) de Azeite                         
1 c. (sopa) de Vinagre de Vinho Tinto            
1 c. (sopa) de tomilho picado
1 c.(sopa) de salsa picada 
1 c. (café) de paprica                                        
1 c. (café) de sal

Preparação

Numa tigela larga, misture o azeite com o vinagre, os alhos picados, a paprica, o tomilho, a salsa, o sal e as rodelas de limão.
Envolva os peitos de frango com o preparado anterior e deixe-os marinar durante 10 minutos. Ligue o forno a 200º C.

Coloque os peitos de frango num tabuleiro e leve-os a forno quente durante 20 minutos, virando-os de vez em quando.
Sirva com legumes cozidos e decorado a gosto.



quinta-feira, 16 de maio de 2013

Quiche de Brócolos, Couve Flor e Peixe


Para hoje uma refeição saudável pois eu hoje vou comer doces com fartura :) para a curiosidade de hoje trago-vos o dia 16 de Maio sabiam que este é o 136º dia deste ano? Se não sabiam ficam a saber e sabem que a Janet Jackson, Laura Pausini, Megan Fox nasceram neste dia? 

E mais sabiam que a 16 de maio de 1981: Uma pessoa morre em uma explosão no banheiro masculino do terminal da Pan American, no aeroporto JFK de Nova York. Um grupo autodenominado Resistência Armada de Posto Rico reivindica o ataque.

E por agora alguns de vocês devem estar a pensar mas que raio preciso eu de saber isso, pois também não sei, apenas sei que a minha esposa nasceu neste dia e eu também :) por isso a curiosidade de hoje ser sobre o dia 16 de Maio , fiquem então com a receitinha leve:)



Ingredientes:

1 Rolo de Massa Quebrada                             
600g de Brócolos                                              
600g de Couve-Flor
2 dentes de Alhos                                             
2 Ovos                                                 
2 Claras
3 Postas de Peixe (Maruca)                             
1 dl de Leite Magro                           
 Salsa ou Cebolinho qb

Preparação:

Separe os brócolos e a couve-flor em raminhos, coza-os em água e reserve.  Num tacho coza as postas de peixe, depois cozido retire as espinhas e reserve.

Ligue o forno a 180ºC. Forre a uma tarteira com o rolo de massa quebrada. Apare os bordos, pique o fundo com um garfo e recheie com a couve-flor, brócolos e o peixe.

Prepare o recheio, descasque os dentes de alho, pique-os finamente e misture-os com os ovos, as claras, o leite, e um pouco de salsa ou cebolinho. Bata tudo muito bem e verta sobre o preparado anterior. Leve ao forno pré-aquecido a 180ºC durante 40 minutos. Retire do forno deixe amornar e desenforme- Sirva morna ou fria.

Retirada da Revista Saúde à Mesa n.º 78



quarta-feira, 15 de maio de 2013

Bolachas de Chá Verde, Limão, Mel e Ginseng


Esta receita foi dada pela Élia do blog O Gosto Pela Cozinha que foi uma querida, pois eu ainda não tinha conseguido utilizar o dispara bolachas e com esta receita consegui acertar em cheio :) Bem a Élia tinha dito. Desde já obrigado Élia.
Para a curiosidade de hoje uma noticia :)

Um novo estudo da Coreia do Sul, feito em mais de cem homens diagnosticados com o problema, mostra que um medicamento natural à base de ginseng pode combater a disfunção erétil em algumas semanas.

Apesar do desenvolvimento de drogas como Viagra, Cialis e Levitra ter revolucionado o tratamento nos últimos dez anos, cerca de 30% dos homens não têm melhoram alguma usando estes remédios. Para estes, a única opção é injetar drogas diretamente no pênis ou usar uma bomba para aumentar manualmente o tamanho do órgão sexual.

Para o estudo, pesquisadores da Escola de Medicina da Universidade Yonsei, na Coreia do Sul, recrutou 119 homens ccom disfunção erétil moderada. O grupo foi dividido em dois: metade tomou quatro comprimidos de extrato de ginseng por dia e a outra parte tomou placebo.

Depois de oito semanas os pesquisadores mediram melhora usando uma escala reconhecida chamada Índice Internacional de Disfunção Erétil. Os resultados, publicados na Revista Internacional de Pesquisa em Impotência, mostraram uma melhora pequena mas significativa na função sexual do grupo que tomou ginseng.

No relatório os pesquisadores relataram que o extrato de ginseng melhorou todos os aspectos da função sexual: “pode ser usado como alternativa ao remédio para melhorar a vida sexual dos homens”.


Fonte: 
Extra/Globo


Aproveito assim para participar pela primeira vez no desafio do mês do Blog Cravo & Canela da Manuela vi algumas participações de blogs que visito, e fui cuscar e tenho de dar uma vista de olhos com mais calma. O desafio é claro vamos fazer bolachas e não é que fiz :) 



Ingredientes:

150 gr de Açúcar                                              
350 gr de farinha                               
1 C. (chá) de fermento
125 gr de margarina                         
1 ovo                                    
1 saqueta de chá a gosto (Usei Chá verde, limão, mel e ginseng).

Preparação:

Derrete se a manteiga, mistura se com o açúcar e o ovo, junta se os restantes ingredientes e pronto, massa para o dispára- biscoitos. Boa sorte